Aumentar Vendas em Loja de Roupas: 5 dicas para aumentar o faturamento

Aumentar Vendas em Loja de Roupas: 5 dicas para aumentar o faturamento

5 (100%) 1 vote[s]

Aumentar a venda em loja de roupas é o objetivo de todos os empreendedores que possuem esse tipo de negócio.

Mas em meio a tantas estratégias e grande concorrência é difícil saber onde concentrar seus esforços. E só fazer propaganda não resolve!

Para te ajudar, reunimos 5 dicas para aumentar o faturamento em loja de roupas. Vamos lá?

1- Preço é diferente de valor

O que não falta é oportunidade para dar desconto para seus clientes. Mas entenda, se você quiser aumentar vendas em lojas de roupa, você deve saber o momento certo para se fazer isso.

Muitos pensam que preço e valor é a mesma coisa, mas não poderiam ser diferentes.

Preço é o que o cliente paga
Valor é o que o cliente recebe.

Dito isso, já se perguntou porque grandes grifes como Calvin Klein, Gucci e outras raramente (ou nunca) dão desconto em suas peças e ainda conseguem vende-las?

É porque eles geraram valor para o produto.

É a mesma coisa dos Iphones. Se a apple lançar um novo modelo hoje, amanha as pessoas estarão fazendo fila para comprar o novo produto.

Entendo que nem todas as lojas de roupas sejam do nível que essas internacionais, mas você ainda pode gerar valor e conseguir um bom faturamento em seus produtos.

2- Aprenda a vender o ano todo

Não é segredo que os primeiros meses do ano são os mais dificeis para se fazer vendas.

Mas isso não quer dizer que você deva aceitar isso como verdade absoluta e não fazer nada a respeito.

Para se vender o ano todo é necessário garra e boas estratégias.

Cada mês possui datas significativas que podem ser usadas como oportunidade de vendas como: Dia das Mulheres, Carnaval, Dia das Mães, Natal e por ai vai.

Além disso, existem meses com temáticas que podem ser exploradas como o Outubro rosa, o Novembro azul, O mês junino e a época da páscoa.

Ao contrario do que muitos pensam, não é que as pessoas não querem gastar no inicio do ano, elas querem é gastar MENOS.

Dito isso, você pode fazer pequenos descontos ou vendas casadas como 20% OFF ou compre 2 e o terceiro sai de graça.

Aproveite toda oportunidade que aparecer.

3- Conheça a clientela

Conhecer o cliente não é saber seu numero, idade e a frequência que ele visita sua loja.

Mais do que isso, é compreender suas dores, desafios, necessidades e hábitos de consumo.

Conhecer a fundo seu cliente não só colabora para a execução de um bom marketing como também melhora o atendimento que você oferece a ele.

4- Trabalhe estratégias de pós-vendas

Talvez você não saiba, mas quando um cliente sai da sua loja ele se torna “inativo”.

80% dos clientes que visitam sua loja se tornam clientes inativos.

Os outros 20% são os que voltam e são chamamos de clientes fieis.

Se os clientes inativos são tão importantes, porque não trabalhar em cima deles?

Uma boa solução é investir em um programa de pós-vendas bem estruturado.

Seja através de programas de fidelidade, NPS ou qualquer outra estratégia.

O pós-venda é a mina de ouro que o seu concorrente usa, e você (ainda) não.

5- Aproveite os momentos-chave para faturar ainda mais

Muitos pensam que ter um programa de fidelidade, ou de relacionamento é dar muitos bônus para o cliente e, por esse motivo, desistem de executa-lo.

Entenda, se o seu cliente já comprou de você, nada mais justo que recompensa-lo. Principalmente se ele te indicou ou trouxe um amigo para comprar, também, de você.

Existem 5 momentos chaves que você deve aproveitar:

Momento da Compra

Quando um cliente compra de você, esse momento pode ser ideal para introduzi-lo a um programa vip ou de fidelidade com alguma recompensa.

Momento da Recompensa

O momento de mais alegria do cliente. É aqui que ele vai ganhar algo de graça! Por ser um momento de grande euforia, ele estará mais apto a ser abordado. Aproveite a oportunidade não só para oferecer um bom atendimento como para pedir que indique um amigo!

Momento do Consumo

Seu cliente trouxe um amigo para consumir aquele cupom que você deu, lembra? Agora é hora de trabalhar em um bom up-selling ou cross-selling. Venda algo que combine com a roupa que o cliente esta comprando, é uma ótima oportunidade para aumentar suas vendas em loja de roupas.

Dia da inatividade

Sabe aqueles dias de pouco movimento em que você luta para fazer uma venda? Esses são seus dias de inatividade.

E para contorna-los, nada melhor que atrair sua maior clientela: Os clientes inativos!

Existem diversas formas de fazer isso. A Levice, loja de roupas de Goiânia a faturou R$16965,40 com programa de fidelidade.

Se você tiver interesse em conhecer esses momentos a fundo e outras estratégias de pós-vendas, acesse nosso guia completo e gratuito de Pós-Vendas.

Conclusão

Aumentar as vendas em lojas de roupas não é uma tarefa difícil. Existem diversas estratégias que você pode utilizar para vender o ano todo.

A dificuldade está no planejamento e no pós-vendas.

Construir um bom planejamento somado a um programa de pós-vendas estruturado é o que vai te colocar na frente da concorrência.

Espero que este artigo seja o primeiro passo para você entender essas estratégias e que, a partir de agora, você aumente ainda mais o seu faturamento!

Deixe um comentário