Automatização do fluxo de caixa

Automatização do fluxo de caixa garante menos erros e maior agilidade

Empreendedorismo
Curtiu o post? Então compartilhe!

Existem várias ferramentas úteis para administrar seu negócio e permitir que ele continue lucrando, sem perder as contas. Mais do que importante então é saber como usar a automatização do fluxo de caixa.

Afinal, não há como gerenciar o que você não possui conhecimento. Por meio do fluxo de caixa é possível saber o quanto de recursos financeiros ainda possui, assim como quais valores tem de receber e pagar.

Mas fica a dúvida: você sabe como automatizar esse processo? Saiba como fazer corretamente!

Automatização do fluxo de caixa garante muito menos erros e maior agilidade

Por que usar um fluxo de caixa automatizado? A resposta mais clara é porque garante um crescimento saudável da empresa. Você acompanha em tempo real e de forma organizada a parte financeira de sua empresa!

Assim, usando dos dados coletados acerca das finanças, é possível montar um planejamento e tomada de decisão. Assim, você se prepara para manter o bom momento – assim como se garante durante as vacas magras da empresa.

Como efeito resultante disso, você controla as entradas e saídas, criando uma melhor liquidez do fluxo e capital de giro mais vantajoso. Assim como garante uma melhoria do controle de estoque, otimiza o registro de itens.

Mas o principal ponto que o fluxo de caixa automatizado garante é a agilidade, elemento tão comum da internet. Com um processo padronizado, as informações entram com rapidez e menor chance de erro.

É isso que garante que as informações estejam corretas, facilitando a tomada de decisão. Não só isso, pois também garante segurança dos dados, sendo capaz de produzir um backup e ser capaz de consulta a qualquer hora.

Como implementar um fluxo de caixa automatizado da forma correta

Assim como acontece de modo tradicional, um fluxo de caixa automatizado abrange entradas e saídas de valores, orçamento total e informações do plano de negócios.

Para manter esse fluxo, existem algumas indicações para automatizar seu fluxo de caixa para o negócio, muitos desses espelhando dicas para um fluxo tradicional.

Fazer um inventário de valores e informações

Um bom começo é organizar todos os dados disponíveis, os diferenciando por categorias, justamente para facilitar esse trabalho. Assim, você consegue trabalhar com as informações de forma muito mais eficiente.

E são várias informações levantadas: custos fixos e variáveis, receitas em caixa e para receber (parcelas) e investimento e expansões, previstos no período de controle e análise.

Categorize os gastos e ganhos – e não só como entrada e saída

Um complemento ao tópico anterior, é importante pôr em categorias seus gastos e ganhos, e não só colocar como entrada e saída. Simplificar dessa forma não permite uma boa análise que esclareça os valores.

Dessa forma, categorize de forma a identificar onde o dinheiro entra mais – e de onde ele mais sai. Apenas assim você pode ter resultados mais sólidos acerca dos dados que tem.

Manter os dados sempre atualizados

Lembre-se que esses dados são estratégicos para planejamento e tomada de decisão da empresa, e você precisa de dados reais para fazer isso. Não se pode manter a informação desatualizada em nenhuma situação.

Por isso, cada movimento e ação tomada pela empresa deve ser registrada para atualização do sistema. Esse papel é facilmente cabível para um software de finanças.

Fazer análises periódicas

Afinal, você colhe dados para que possa analisá-los depois – e você precisa saber o que anda bem e o que anda mal na empresa.

Relatórios da gestão ajudam a saber o que está certo e o que está errado quanto as finanças, de forma periódica. Isso pode ser de forma semanal, quinzenal ou mensal, contanto que não deixe de fazê-la.

Não desconsidere o estoque

Qualquer mercadoria que se encontra em situação de estoque deve ser considerada nos registros das finanças. O estoque deve ser bem planejado e gerenciado, mesmo que seja um capital imóvel.

Dessa forma, você conhece seu valor, assim como os limites mínimos e máximos de gastos. Da mesma forma que outros valores nas finanças, essa informação oferece tomada de decisão mais precisa e viável.

Trabalhe com um software de gestão

O ponto mais importante para automatizar seu fluxo de caixa: conte com a tecnologia e trabalhe com um software de gestão. Essa ferramenta é essencial para facilitar o trato de dados e fazer deles informações estratégicas.

Todas as dicas anteriores se combinam aqui, de forma a ter segurança e controle das informações. Principalmente porque elas se encontram nas nuvens, podendo acessar de qualquer computador autorizado.

Entenda mais sobre o uso de software no seu negócio aqui:

Dessa forma, o fluxo de caixa automatizado é mais uma arma para gestão de informações, importante para uma tomada de decisão e planejamento.

Falando em software, conheça mais sobre nosso programa de fidelidade em ebook no seguinte link

Mais dicas para crescer o seu negócio? É só clicar aqui para ler mais artigos relacionados.


Curtiu o post? Então compartilhe!

1 thought on “Automatização do fluxo de caixa garante menos erros e maior agilidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *