quarta-feira, setembro 01, 2021
armazenamento em nuvem

O armazenamento em nuvem se mostra vantajoso para empresas de todos os portes

Tecnologia
Curtiu o post? Então compartilhe!

Tecnologia virtual, como parte essencial ou apenas ferramenta, está sempre por aí – e nisso entra o armazenamento em nuvem.

O armazenamento em nuvem tem se mostrado cada vez mais eficaz nos negócios e gerenciamento das informações do cliente, principalmente no setor varejista.

Entender como lidar com seu cliente é passo importante para qualquer empresa, e os varejistas têm entendido isso. Para entender também, prossiga com a leitura do artigo.

O que é esse armazenamento em nuvem?

Empresas em geral estão nas “nuvens”, e não falo apenas metaforicamente, mas “literalmente”. As empresas hoje em dia armazenam e gerenciam sistemas direto da nuvem, num método de economia em data center e praticidade.

Mas o que é isso? Trata-se de um espaço online onde dados são armazenados de forma segura. Assim não é necessário esforço em gerenciamento, você adquire mais espaço e tudo o que precisa é de internet.

O armazenamento em nuvem se mostra vantajoso para empresa de todo tipo porte

Num passado não muito distante – e até um pouco presente ainda – eram montadas equipes de TI para setores específicos.

Mas o mercado foi crescendo mais e mais, com esse método analítico se sobrecarregando com o excesso de informação. E as demandas com hardware se tornaram mais complexas e caras.

Uma das principais ações do armazenamento em nuvem foi justamente aprimorar esse processo. Não é só uma forma mais prática de armazenar informações: se trata de uma prática mais interativa com seu cliente.

Hoje em dia, as informações estão na internet, e contando com um armazenamento tão próximo desse meio, seu trabalho se torna mais personalizado. Você consegue atender aos mais diferentes tipos de cliente.

Por isso, é uma tecnologia que se tornou indispensável no varejo, impactando de forma positiva em processos como planejamento, organização e até ato de venda.

O armazenamento é feito em servidores acessíveis de qualquer localização, a qualquer hora. Inclusive, o servidor de armazenamento pode estar localizado na China, mesmo acessando no Brasil, tamanha praticidade.

Talvez haja um certo receio com a segurança das informações, mas os provedores desse tipo de serviço cada vez mais investem nesse setor.

 

Em que tipo de situação o armazenamento em nuvem pode se mostrar vantajoso: dois exemplos

 1. Momentos de pico

Empresas varejistas trabalham com períodos de atividade normal, com espaços preenchidos com picos de demanda mais alta. Esse pico comumente é registrado aos fins de semana, feriados e campanhas promocionais.

Esse tipo de atividade requeria uma infraestrutura mais complexo, ou quem sabe até subutilizar a capacidade de TI.

Esse problema não precisa acontecer, pois o armazenamento em nuvem projeta capacidade para carga básica, com recursos adicionais para momentos de pico.

2. CRM (Customer Relationship Management) ou Gestão de Relacionamento com o Cliente

Uma das bases do CRM é ter em posse o maior número de informações do cliente e conhecer suas interações com a empresa. Assim, você monta um panorama próprio para cada consumidor, atendendo de forma personalizada.

Isso num servidor físico é difícil e limitado, mas quando conectada a um sistema de armazenamento em nuvem, torna-se imensamente versátil.

Você centraliza o sistema, além de aumentar a eficácia e integração de diferentes áreas da empresa. E também o trabalho de uma equipe, antes agindo de forma mais fragmentada, é facilitado.

Quais vantagens esse serviço carrega para o varejo?

Desenvolvimento rentável de produtos

Como solução de baixo custo, já começa como opção mais rentável ao negócio. Assim, os gastos que seriam direcionados para áreas de infraestrutura de tecnologia, são redirecionados para desenvolvimento do próprio negócio.

Novo processo para a cadeia de suprimentos

O armazenamento em nuvem ainda permite aperfeiçoamento da plataforma de operação numa cadeia de suprimentos. Não só isso, mas essa cadeia se torna um setor crucial para o negócio.

Produtos com a cara do cliente 

Conhecer o cliente se tornou pilar para produção de novos produtos e para os processos de venda. O cloud computing permite uma coleta de dados mais diretas, agindo diretamente com motores de busca e redes sociais.

Melhor interação com os consumidores

Não importa o momento, clientes se satisfazem com empresas que ofereçam uma experiência de compra diferente das outras. A flexibilidade da tecnologia permite novos métodos para satisfação do cliente.

Saiba mais sobre interação com clientes: https://blog.stayapp.com.br/guia-definitivo-para-fidelizar-clientes-em-seu-negocio/

Como fidelizar seu cliente: https://blog.stayapp.com.br/como-criar-programa-de-fidelidade/ 

Um case de sucesso: https://blog.stayapp.com.br/estudo-de-caso-sniper/

Uma melhor gestão do negócio 

Como index de dados, esse armazenamento também auxilia diretamente na gestão do negócio. Inclusive, é possível ter até um inventário de produtos e soluções adequadas ao negócio.

Um case de sucesso: https://blog.stayapp.com.br/estudo-de-caso-sniper/

Dessa forma, o armazenamento em nuvem age em benefício do varejista e se mostra como opção mais favorável a qualquer tipo de negócio.

Interessado pelo tema? Conheça mais sobre nosso aplicativo e leia o ebook sobre nosso programa de fidelidade: http://conteudo.stayapp.com.br/ebook-programa-de-fidelidade

Mais dicas para crescer o seu negócio? É só clicar aqui para ler mais artigos relacionados.


Curtiu o post? Então compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *